Como emitir nota fiscal de brinde?

por BSeller

25 de novembro de 2022

Entenda como emitir nota fiscal de brinde e realizar a distribuição desse tipo de mercadoria

A distribuição de brindes pode ser uma boa estratégia para captar e fidelizar clientes. Mas você sabe exatamente o que é um brinde? E sabe como emitir nota fiscal desse tipo de distribuição?

A seguir, vamos entender melhor como emitir nota fiscal de brinde e como é feita a distribuição desse mimo para os clientes. Fique atento! 

O que é considerado um brinde?

Podemos chamar de brinde aquela mercadoria que, não sendo um objeto de atividade do seu e-commerce, tenha distribuição gratuita ao consumidor. 

Isso significa que, para ser considerado brinde, é preciso ser uma distribuição gratuita de algo que não é vendido na sua loja. Um exemplo seria uma loja de camisetas que adquire canetas para distribuição aos clientes no final do ano. 

Como emitir nota fiscal de brinde?

O Regulamento de Impostos sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (RICMS) pode nos responder com detalhes a essa questão. Essas são as diretrizes informadas no RICMS Art. 456:

Artigo 456 – O contribuinte que adquirir brindes para distribuição direta a consumidor ou usuário final deverá (Lei 6.374/89, art. 67, § 1º):

I – registrar a Nota Fiscal emitida pelo fornecedor no livro Registro de Entradas, com direito a crédito do imposto destacado no documento fiscal;

II – emitir, no ato da entrada da mercadoria no estabelecimento, Nota Fiscal com destaque do valor do imposto, incluindo na base de cálculo do imposto o valor do Imposto sobre Produtos Industrializados – IPI lançado no documento fiscal de aquisição, e fazendo constar, além dos demais requisitos: (Redação dada ao inciso pelo Decreto 54.008, de 12-02-2009; DOE 13-02-2008)

1 – no quadro “Destinatário/Remetente”, no campo “Nome/Razão Social”, a expressão “Diversos – Brindes” e nos demais campos, os dados do emitente;

2 – no campo “Código Fiscal de Operações e Prestações – CFOP”, o código 5.949;

3 – no campo “Informações Complementares”, a expressão “Nota Fiscal emitida nos termos do inciso II do art. 456 do RICMS – Nota Fiscal de aquisição nº …, de…/…/…”;

Como calcular o ICMS?

A distribuição de brindes também sofre a incidência de ICMS, pois o que gera o imposto é a saída da mercadoria. Sendo assim, as distribuições de brinde também sofrerão cobrança de ICMS.

Porém, existem alguns incentivos fiscais que isentam ou reduzem a aplicação de incidência de ICMS. Elas devem ser consideradas por quem realiza a aplicação da tributação específica da mercadoria.

Formas de distribuição

Há três maneiras de realizar a distribuição de brindes:

1- Pelo adquirente, por conta própria;

2- Pelo adquirente, mas por meio de outro estabelecimento;

3- Por conta e ordem de terceiros.

Por conta própria 

O contribuinte que adquirir brindes para distribuição direta a consumidor ou usuário final deve lançar a Nota Fiscal emitida pelo fornecedor, creditando-se do ICMS nela destacado, utilizando os CFOP 1.949 ou 2.949 e emitir NF com lançamento do ICMS, incluindo-se, no valor da mercadoria adquirida, a parcela do IPI eventualmente paga pelo fornecedor.

Vale lembrar que, para distribuição de brindes diretamente na própria loja física, não é preciso emitir nota fiscal. 

Distribuição por meio de outro estabelecimento

A distribuição de brindes sendo feita por filial da mesma empresa, ela como adquirente deve fazer os mesmos procedimentos acima, incluindo na NF com lançamento do ICMS, no valor da mercadoria adquirida, a parcela do IPI eventualmente paga pelo fornecedor, utilizando o CFOP 5.910. Já a filial destinatária, em caso de envio dos brindes aos clientes, deve seguir os mesmos procedimentos do item anterior.

Assim como a distribuição diretamente na loja física, caso o estabelecimento responsável pela entrega realize a distribuição no seu estabelecimento, não é preciso emitir nota fiscal. 

como emitir nota fiscal de brinde - interna

Entrega por conta e ordem de terceiros 

O estabelecimento fornecedor da mercadoria pode entregar os brindes ou presentes em endereço de pessoa diversa daquela do adquirente e, se houver interesse, por parte do comprador dos brindes de que o recebedor desconheça o preço pago, o fornecedor poderá deixar de consignar esse valor no documento de entrega. Nesse caso, o fornecedor deve observar os procedimentos comentados nos subitens a seguir.

1 – Procedimento no Ato da Venda

No ato da operação, o fornecedor deve emitir Nota Fiscal em nome do comprador, contendo, além de outros requisitos exigidos na legislação, a informação completa do local de entrega.

2 – Procedimento na Entrega dos Brindes 

Para a entrega da mercadoria à pessoa e no endereço indicado pelo adquirente, o fornecedor deve emitir a Nota de Entrega a Domicílio.

A importância da nota fiscal para o e-commerce

Primeiramente, a nota fiscal no e-commerce é um documento que registra toda transação de compra e venda. Esse documento garante o pagamento de tributos incidentes sobre a transação.

Outro objetivo da nota fiscal é a proteção ao lojista. Ela serve para garantir a procedência da mercadoria e possibilitar reembolsos em caso de danos.

Para quem trabalha com e-commerce, é importante anexar a nota fiscal do lado de fora da embalagem, para ser vista com facilidade. 

Como um ERP pode te auxiliar nesse processo

Gostou de aprender como emitir nota fiscal de brinde? Quer saber mais sobre como um ERP completo pode te ajudar nisso? 

Um sistema de ERP e backoffice completo pode facilitar e muito os processos fiscais da sua empresa. Isso porque as emissões de nota fiscal e os demais processos fiscais estarão automatizados. 

O BSeller, por exemplo, possui uma tecnologia exclusiva, com módulos integrados de Gestão (ERP), Atendimento (SAC), Logística (WMS) e Transporte (TMS), que integra todas as áreas das empresas de maneira fácil e rápida.

Se quiser saber mais? Preencha o formulário e veja como o BSeller pode te ajudar! 

Leia também:

Frete grátis: entenda como o benefício pode impulsionar as suas vendas online

Como fazer uma promoção de vendas?

Sistema de gestão para e-commerce: o que é e como escolher o seu

BSeller

BSeller é a solução integrada de ERP e backoffice da americanas s.a. É a única tecnologia completa para backoffice de e-commerce, com módulos nativamente integrados de Gestão (ERP), Logística (WMS), Atendimento (SAC) e Transporte (TMS).

veja ainda:

grocery - destaque

O que é grocery e como vender na categoria?

A categoria de grocery concentra as vendas de alimentos e bebidas pela internet. Mas a venda destes itens requer atenção […]

coisas para revender - destaque

9 coisas para revender e ganhar dinheiro

Conheça algumas opções de coisas para revender e ter um negócio ainda mais lucrativo  Que existe uma série de coisas […]

vender produtos de limpeza - destaque

7 dicas para você vender produtos de limpeza

Tudo que você precisa saber para vender produtos de limpeza na internet  Comprar online já faz parte da rotina de […]