O que é Design System?

por Americanas Marketplace

24 de julho de 2023

Descubra como o design system pode facilitar os processos do seu negócio, padronizar criações e oferecer uma experiência de usuário adequada aos seus clientes. 

Você já ouviu falar em Design System? Pois é, esse sistema de padronização pode fazer toda a diferença na hora de criar um produto digital e tem sido cada vez mais estudado por profissionais do mercado e também por quem usa o design como ferramenta para alavancar o negócio. 

Em poucas palavras, são elementos, linguagens, regras e princípios padronizados, uma espécie de diretriz para o design. Isso auxilia na experiência do usuário e ainda garante que a comunicação seja consistente e coesa. 

Neste artigo, vamos te mostrar o que é Design System, dicas para usar esse sistema, quais os benefícios e como implementar no seu negócio.  

Boa leitura! 

O que é o Design System? 

O Design System é um conjunto de diretrizes, padrões, componentes e recursos visuais que são usados para criar e manter a compatibilidade visual e funcional em um projeto de design. Geralmente, é desenvolvido e utilizado por equipes de design para garantir a eficiência na criação de produtos e interfaces. 

Normalmente, isso inclui uma série de componentes de interface do usuário, como botões, campos de formulário, tipografia, ícones e cores. Esses componentes são projetados para serem flexíveis e reutilizáveis, permitindo que os designers os combinem e os adaptem de acordo com as necessidades específicas de cada projeto. 

Além dos componentes visuais, um design system também abrange as diretrizes de interação e comportamento do produto. Isso inclui como os elementos de interação conversam entre si, como as transições de tela devem ocorrer e como o usuário deve navegar pela interface. Essas diretrizes ajudam a criar uma experiência de usuário consistente e previsível em todo o produto. 

Quais os benefícios do Design System? 

O design system tem se tornado cada vez mais popular entre as equipes de design e desenvolvimento de produtos. Ele oferece uma abordagem sistemática para criar uma experiência consistente e coesa em todo o projeto.  

Um dos principais benefícios é a promoção da consistência visual em todo o projeto. Ele estabelece diretrizes claras de design, como paleta de cores, tipografia, ícones e outros elementos visuais. Isso garante que todos os componentes e elementos gráficos sigam um padrão consistente, criando uma identidade visual unificada. Com consistência visual, os usuários podem facilmente reconhecer e navegar pelo seu produto, o que resulta em uma experiência mais intuitiva e agradável. 

Ou seja, é possível aproveitar os componentes pré-definidos, economizando tempo e esforço na criação de novos elementos, tornando o processo mais fácil e reduzindo a ocorrência de erros. Sem falar que o Design System promove uma colaboração efetiva entre os membros da equipe, já que ao criar um sistema compartilhado de elementos de design e diretrizes, todos têm acesso às mesmas referências visuais e conceituais, mantendo todo mundo na mesma página e com um mesmo direcionamento. 

Por fim, o design system é uma estratégia eficiente para economizar tempo e recursos. Ao estabelecer um conjunto de diretrizes claras desde o início do projeto, evitam-se retrabalhos e desperdícios. Os profissionais envolvidos podem se concentrar em aspectos mais complexos do projeto, em vez de reinventar a roda. Além disso, a manutenção e atualização contínua garante que tudo sempre esteja atualizado, o que faz toda a diferença. 
 

design system - interna

Como criar um Design System? 

Pode parecer um pouco complicado criar um Design System do zero, acontece que toda essa elaboração pode ser dividida em etapas, o que facilita o processo e permite que cada ponto importante seja levado em consideração. 

Antes de começar a desenvolver um Design System, é crucial entender o contexto do seu projeto e as necessidades dos usuários. Faça uma análise aprofundada das metas, dos requisitos e das expectativas do público-alvo, isso ajuda a criar um sistema que atenda às suas necessidades específicas. 

Isso porque os princípios são a base, já que estabelecem a direção e os valores que guiarão todas as decisões do design. Antes de tudo, é importante definir princípios claros e concisos que reflitam a identidade da sua marca e os objetivos do projeto. Alguns exemplos de princípios podem ser: simplicidade, acessibilidade e foco no usuário, pontos importantes na hora de criar um produto ou uma interface. 

Além disso, uma parte fundamental do Design System são os componentes reutilizáveis. Identifique os elementos-chave do seu projeto, como botões, menus, tipografia, cores e ícones, e crie uma biblioteca centralizada de componentes. Para garantir que ele seja adotado e compreendido por toda a equipe, é importante documentar e compartilhar as diretrizes. Crie um documento ou um site onde você possa detalhar cada componente, suas variações, o uso adequado e as melhores práticas. Isso ajuda a garantir a consistência e facilita o trabalho colaborativo. 

Feito tudo isso, o próximo passo é testar em diferentes contextos, receber feedbacks de usuários e também de profissionais. Passada a etapa de testes, o sistema precisa ser ativamente adotado por toda a equipe e é aí que entra o treinamento. É preciso envolver todo o time, capacitá-los com o novo sistema e manter uma rotina de acompanhamento eficaz para garantir que tudo saia como o esperado. 

Bônus: dicas para começar 

Criar um Design System eficiente requer planejamento, colaboração e dedicação, mas os benefícios são duradouros. Ao estabelecer um conjunto consistente de diretrizes e componentes reutilizáveis, você economizará tempo, promoverá a consistência visual e aprimorará a experiência do usuário em seu projeto. 

Lembre-se que a essência da sua marca precisa estar imersa em todo o processo do Design System, isso porque uma padronização que venda a imagem do seu negócio, te ajuda a sair na frente no mercado e passa credibilidade para quem compra com você. Sem falar na experiência do usuário que deve ser levada em conta durante toda a construção do produto e do negócio. 
 

Agora, você já sabe o que é o Design System e como alavancar o seu negócio com esse sistema diferenciado que permite padronizar os processos de criação de produtos e interfaces.  

Leia também:

Design Thinking: o que é e como utilizá-lo?

Sprint: o que é e como funciona?

O que é marketplace e como ele facilita a venda online

Americanas Marketplace

Somos a plataforma para você vender seus produtos nas principais lojas virtuais do país: Americanas, Submarino, Shoptime e Americanas Empresas. Aqui seu negócio vai mais longe!

veja ainda:

esg - destaque

O que é ESG? Entenda a importância e como adotar

Adotar práticas ESG não é apenas uma tendência corporativa, mas uma necessidade urgente para empresas que buscam sustentabilidade e responsabilidade […]

recrutamento - destaque

Recrutamento: quais os tipos mais comuns e como fazer?

O recrutamento e seleção de novos funcionários é uma etapa que todo empreendedor vivencia ou irá vivenciar. Mas é preciso […]

customer experience - destaque

Customer experience: o que é, importância e aplicação

O foco em customer experience ajuda a fidelizar seus clientes e melhorar a relação deles com a sua marca A […]