Liderança e gestão de pessoas: qual é a importância disso?

por Americanas Marketplace

23 de novembro de 2023

A liderança e a gestão de pessoas devem sempre caminhar juntas em qualquer contexto, mas o que esses conceitos significam e como colocá-los em prática?  

O crescimento de qualquer tipo de negócio está automaticamente atrelado a dois termos muito falados, mas, por vezes, não muito explorados em suas essências: a liderança e gestão de pessoas. Afinal, toda empresa é formada por colaboradores que têm responsabilidades individuais e coletivas pelos processos internos que fazem o trabalho acontecer.  

Para que os processos fluam com eficiência, é indispensável que a equipe seja qualificada, orientada e motivada. E é aí que entra a liderança e gestão de pessoas.  

Afinal, o que é liderança e gestão de pessoas? 

Como os nomes já sugerem, a liderança e gestão de pessoas são conceitos que se referem à capacidade de liderar, motivar e gerenciar equipes para alcançar resultados. Porém, apesar de complementares, esses termos também têm sentidos individuais. E é exatamente por essas diferenças metodológicas que as duas áreas, em conjunto, são essenciais para a rotina das empresas.  

Quando se fala em liderança, refere-se a um líder como figura motivacional e inspiradora que sustenta o desenvolvimento dos liderados. Já a gestão de pessoas, é pautada nos recursos humanos, que a torna um conceito abrangente para o gerenciamento dos colaboradores de uma empresa. 

Para que tudo funcione bem, a liderança e gestão de pessoas precisam trabalhar em harmonia. Afinal, o líder é quem estará à frente da identificação das necessidades da equipe, alinhando as metas e objetivos que devem ser alcançados. Todo esse processo só é possível quando se tem o gerenciamento de pessoas.  

Das principais funções que fazem parte da liderança e gestão de pessoas, estão: 

  • Formação de equipes de trabalho; 
  • Motivação de colaboradores e equipes; 
  • Desenvolvimento dos profissionais; 
  • Criação da cultura organizacional; 
  • Retenção de talentos. 

Por que a gestão de pessoas é tão importante? 

De forma direta, a gestão de pessoas encarrega-se de todos os recursos humanos presentes em uma empresa. Dessa forma, em num primeiro momento, essa é a área que faz a seleção e recrutamento da equipe. Em um momento futuro, a gestão de pessoas organiza o treinamento e o acompanhamento dos profissionais, alinhando-os aos objetivos e expectativas da organização.  

Com isso, a gestão de pessoas tem participação essencial no desenvolvimento das habilidades pessoais e coletivas dos colaboradores da empresa. Para completar, a gestão de equipe trabalha com metas e métodos para otimizar processos. 

Os maiores desafios na gestão de pessoas 

A gestão de pessoas é um desafio por si só, afinal, todo mundo tem suas particularidades. Dessa forma, a complexidade da gestão de pessoas já começa no recrutamento dos colaboradores, um primeiro contato que, na maioria das vezes, é bastante decisivo. 

Selecionar funcionários inadequados, abre a possibilidade ao líder e ao gestor de pessoas de ter que trabalhar com um time descompromissado, que não desempenha as tarefas com seu máximo potencial. Assim, os critérios nos processos seletivos de funcionários são sempre indispensáveis. Além do mais, outro desafio é manter as equipes motivadas e engajadas, que é onde entra o líder. 

Onde entra a liderança? 

Com um papel fundamental na gestão de equipes, o líder incentiva e estimula a equipe em direção ao alcance dos resultados que a empresa tem como meta. Assim, essa é a figura que acredita no potencial da equipe e a motiva rumo ao sucesso. 

Para que tudo flua, o líder deve ter sensibilidade para lidar com as diferentes necessidades dos liderados e identificar a capacidade de cada colaborador para que cada potencial seja aproveitado ao máximo.  

Dessa forma, é possível enxergar o líder como um elo entre os colaboradores e a empresa. Sendo assim, para que se tenha uma boa gestão de equipes, é imprescindível que as necessidades dos colaboradores estejam na mesma página que os objetivos da empresa. 

E tem mais: é o líder que tem a responsabilidade de criar um ambiente agradável e estimulador para os liderados, entregando sempre tudo aquilo que for necessário para o alcance das metas. Com isso, cria-se o sentimento de pertencimento nos colaboradores da equipe e, consequentemente, o trabalho é realizado com muito mais motivação. É preciso criar ligações entre líderes e liderados, o que torna o clima de trabalho mais amigável. 

Pesquisas de clima organizacional, por exemplo, são um grande caminho para evitar problemas, entender melhor como as equipes funcionam e qual é a melhor maneira da liderança influenciá-la positivamente. 

liderança e gestão de pessoas - interna

Diferença entre líder e gestor 

Como já mencionado, líder e gestor não são necessariamente sinônimos, apesar da relação muito próxima e que, de fato, existem pessoas que possam exercer essas duas funções ao mesmo tempo. 

A realidade é que nem todos os gestores são líderes, mas todos os líderes são gestores. Isso porque a liderança tem a ver com uma característica que pessoas da empresa conseguem desenvolver. Afinal, os líderes além de motivar os funcionários, vão pensar na qualidade de trabalho, na construção do clima organizacional e na manutenção de uma visão de longo prazo. 

Dessa forma, o gestor acaba sendo o papel oficial, mais associado à supervisão das atividades, além de ser formalmente uma figura hierárquica. Por fim, alguém que é visto como liderança orienta a equipe e, simultaneamente, faz parte da equipe ao conduzi-la. 

Portanto, a gestão está mais associada a um cargo que a pessoa ocupa dentro da empresa, geralmente mais verticalizado, com foco apenas nos objetivos e resultados da empresa. Já o conceito de liderança tem mais a ver com a postura desse gestor diante das metas e, especialmente, da relação de confiança que ele estabelece com sua equipe. Um líder é alguém empático, competente para inspirar e ajudar a desenvolver as aptidões e crescimento de seus liderados. Essa confiança tende a ajudá-los sim no atingimento das metas da empresa, mas há ali uma relação muito mais profunda, pois ele consegue cativar e engajar a equipe. 

Como criar líderes eficientes em gestão de pessoas? 

Ter líderes eficientes em gestão de pessoas é possível, embora não seja algo fácil. Porém, o melhor caminho para alcançar esses requisitos é o treinamento e a capacitação. Afinal, além do repertório que a pessoa que veio para assumir a liderança já carrega em sua bagagem profissional, sempre há o que aprender e desenvolver profissionalmente.  

Como em todos os casos, algumas habilidades são mais naturais que outras, mas várias outras podem ser aprimoradas. É nesse momento de busca pela capacitação em que as pessoas gestoras vão ter a oportunidade de captar pela troca ideias, o que esses líderes em potencial precisam melhorar e, assim, avançar com as habilidades técnicas para assumir o cargo. 

Quando pensamos em alguém capaz de motivar e influenciar outras pessoas do time, é fundamental que essa pessoa tenha uma postura adequada para isso. Por isso, a liderança pode sempre ser mais bem executada quando se tem mais habilidade para exercê-la. Assim, algumas boas características que devem ser cultivadas por essas pessoas são: 

  • Comunicação interpessoal; 
  • Orientação para resultados; 
  • Responsabilidade e compromisso; 
  • Capacidade de integração; 
  • Oferecimento de feedbacks; 
  • Gerenciamento de conflitos. 

Potencializando a liderança e gestão de pessoas  

Para tornar a relação entre a gestão de pessoas e a liderança mais próximas e eficientes, algumas atitudes são indispensáveis no dia a dia. Confira quais são! 

Estratégia 

Trabalhar com estratégia é indispensável em qualquer empresa. Afinal, qualquer líder que for guiar um time precisa dominar quais são as metas e as prioridades daquele negócio. Somente dessa forma é possível orientar os liderados com segurança e assertividade, tendo em mente que todas as escolhas devem ser feitas para atingir os resultados esperados.  

Conexão entre liderança e equipes 

O elo entre as demandas e expectativas não pode ser deixado de lado. Isso inclui desde a liderança e gestão de pessoas, passando pelo conhecimento das habilidades da equipe, até o respeito às opiniões e necessidades dos colaboradores.  

O líder deve saber se colocar à disposição dos liderados, afinal, essa é uma oportunidade valiosa para usar estratégias e criar conexão com o time. 

Feedback sempre 

Tanto para os líderes, quanto para os gestores de pessoas, os feedbacks são fundamentais. É essencial saber o modo como falar sobre as dificuldades e encontrar pontos a serem melhorados. Afinal, essa é uma das principais fontes de motivação para um colaborador.  

E não acaba por aí: líderes podem usar feedbacks para entender melhor como as tarefas são realizadas na prática. O feedback pode ser para ambos os lados, dando espaço também ao liderado para expressar seus pontos sobre a empresa e sobre a atuação do líder. 

Valorização de talentos 

A gestão de pessoas e a liderança, em hipótese alguma, podem deixar de olhar para a diversidade. Seja no aspecto cultural, identitário ou profissional, a diversidade carrega valores intelectuais para um time, principalmente no que se diz respeito à criatividade e inovação. 

Para que isso seja colocado em prática, o líder tem a função de liderar uma equipe que reflita essa diversidade, visando a contribuição igualitária de cada um com suas próprias características e habilidades.  

A verdade é que a liderança e gestão de pessoas são dois aspectos indispensáveis para todo e qualquer negócio e atuam em conjunto para garantir o sucesso da empresa e das pessoas que ali trabalham. 

Leia também:

Mercado brasileiro: 11 oportunidades no varejo nacional

Sprint: o que é e como funciona?

Matriz Ansoff: o que é e como aplicá-la?

Americanas Marketplace

Somos a plataforma para você vender seus produtos nas principais lojas virtuais do país: Americanas, Submarino, Shoptime e Americanas Empresas. Aqui seu negócio vai mais longe!

veja ainda:

grocery - destaque

O que é grocery e como vender na categoria?

A categoria de grocery concentra as vendas de alimentos e bebidas pela internet. Mas a venda destes itens requer atenção […]

coisas para revender - destaque

9 coisas para revender e ganhar dinheiro

Conheça algumas opções de coisas para revender e ter um negócio ainda mais lucrativo  Que existe uma série de coisas […]

vender produtos de limpeza - destaque

7 dicas para você vender produtos de limpeza

Tudo que você precisa saber para vender produtos de limpeza na internet  Comprar online já faz parte da rotina de […]