Palavras negativas no Google Ads: como ajuda no seu ROI?

por Americanas Marketplace

17 de abril de 2023

Entenda como o uso de palavras negativas pode impulsionar seus anúncios no Google Ads e potencializar o seu ROI

Você já ouviu falar em palavras negativas no Google Ads? Criar um anúncio por meio dessa ferramenta de publicidade do Google é uma prática muito comum nas empresas que desejam divulgar seus produtos ou serviços e, no geral, é um processo simples. 

Porém, existem algumas práticas que podem otimizar esses anúncios, fazendo com que eles alcancem um público ainda mais qualificado, ou seja, mais interessado no negócio, o que aumenta o seu Retorno sobre Investimento (ROI) dentro dessa campanha. E uma dessas práticas é a utilização das palavras negativas! 

O uso de palavras negativas no Google Ads potencializa os resultados dos seus anúncios, pois exclui aqueles termos que são considerados negativos, isso é, que não estão relacionadas ao seu negócio ou não passam o tipo de informação que você quer destacar para o público. 

Continue lendo e entenda como utilizar as palavras negativas no Google Ads para impulsionar a conversão dos seus anúncios e, consequentemente, o seu ROI. 

O que são as palavras negativas?

Um dos principais pontos ao criar anúncios no Google Ads é a inserção de palavras-chave que estão diretamente relacionadas ao seu negócio ou a mensagem que você deseja comunicar na sua campanha. 

Sendo assim, as palavras negativas têm a função oposta: elas destacam aqueles termos que, caso sejam inseridos, acabam atraindo um público não qualificado, que não terá interesse no seu negócio ou no conteúdo dos seus anúncios. 

Assim, quando “negativamos” uma palavra-chave na criação de uma campanha, mostramos para a ferramenta que aquele termo não tem relação com o seu negócio ou com o público que você deseja atrair, então, caso a busca do usuário seja feita com aquele termo, o anúncio não deve ser mostrado a ele. 

Por isso, as palavras negativas são um recurso essencial para otimizar as suas campanhas. Quando usadas de forma estratégica, as palavras negativas permitem que os seus anúncios sejam exibidos para um público mais qualificado, fazendo com que você não desperdice investimentos em cliques desnecessários de um público que não está interessado no seu negócio ou naquele conteúdo, aumentando o seu ROI. 

Por que trabalhar com palavras negativas no Google Ads?

Investir em uma campanha de mídia, é investir no seu negócio e esperar resultados em troca, sejam mais clientes, mais vendas ou qualquer outro tipo de conversão que você deseja. 

Trabalhando as palavras negativas, você otimiza os seus anúncios para potencializar esses resultados. Veja o que acontece quando você aposta nesses termos: 

Faz com que você impacte o público certo

Com as palavras negativas sendo incluídas na sua campanha, você direciona de forma mais clara para quem seu anúncio deve ser exibido. Por exemplo, algo que acontece bastante quando esses termos negativos não são trabalhados é que o anúncio acaba sendo direcionado para buscas de vagas de emprego ou relacionadas à carreira. 

Então, vamos imaginar que você está vendendo um curso de marketing digital. Aqui, é interessante que você negative palavras relacionadas a carreira para acabar não impactando as buscas por “vagas de marketing digital” ou “analista de marketing digital”. Você ainda pode incluir na sua lista de palavras negativas, alguns termos como “gratuito” ou até “barato”, dependendo do valor do seu curso. 

Aumenta o seu Retorno sobre Investimento 

Trabalhando as palavras negativas de forma correta, você otimiza as suas campanhas e segmenta melhor o público, passando a impactar pessoas que estão realmente interessadas e buscam soluções como a que você está oferecendo. 

Direcionando seus anúncios para um público com maior potencial de conversão, você aumenta o seu ROI, uma vez que, você acaba não desperdiçando recursos com os anúncios que podem ser entregues para o público errado. 

Criando uma lista de palavras negativas

Antes de criar uma campanha no Google Ads, um dos principais passos será criar uma lista de palavras negativas, assim será ainda mais fácil excluir todos esses termos que não estão relacionados ao objetivo da sua campanha.

Apesar de algumas palavras negativas serem mais genéricas, outras podem ser menos evidentes. Nesse caso, é importante fazer uma análise das palavras-chave e temas que você irá abordar na sua campanha. 

Para descobrir quais palavras você deve negativar, você precisa entender como o público está buscando por esses termos nos sites de busca, e isso pode ser feito pelo próprio Google Ads. Nele, você consegue verificar como o público está pesquisando alguns termos, além de analisar cliques e custos de cada palavra-chave. 

Com esses insights, você pode negativar tanto as palavras que não fazem sentido para o seu negócio quanto aquelas que você viu que não geram conversão. Assim, você otimiza sua campanha e faz com que os seus anúncios sejam apresentados apenas para um público interessado e com grande potencial de conversão, aumentando seu ROI e, claro, os resultados do seu negócio. 

palavras negativas - interna

Para te ajudar a começar a sua lista de palavras negativas, separamos alguns termos mais genéricos que podem ser interessantes para o seu negócio ou podem te ajudar a entender melhor o funcionamento dessa prática. Confira: 

Para evitar candidatos e buscas por vagas: 

carreira, emprego, contratação, estágio, estagiário, cv, salário, recrutamento, oportunidade, vaga.

Para evitar buscas sem intenção de compra: 

sobre, amostra, definição, o que é, exemplo, demonstração, modelo, qual, comparação, história, versão.

Para evitar buscas baseadas em preços baixos: 

barato, baratinho, free, gratuito, grátis, de graça, desconto, liquidação, negociação. 

Para evitar buscas com intenção de aprendizado: 

curso, vídeo, videoaula, faça você mesmo, caseiro, como fazer, como resolver, livro, artigo, notícias, download

E mais!

Foque no seu nicho. Se você só vende itens novos, por exemplo, pode negativar buscas por termos como “usados” (e vice-versa). Já se você vende produtos industrializados, pode negativar termos como “artesanais”, “manuais”, “feito à mão” e assim por diante. 

Conhecer muito bem o seu produto vai te ajudar a criar uma lista de palavras que devem ser negativadas mais adequadas às suas necessidades.

Por que criar uma lista de palavras negativas? 

Feita uma análise mais aprofundada das palavras-chave que serão inseridas nas suas campanhas e das palavras negativas que serão destacadas, você consegue organizar de forma mais clara tudo que deverá ser destacado no desenvolvimento dessa campanha. 

Com uma lista de palavras negativas, será ainda mais fácil criar seus anúncios de forma personalizada e otimizada, fazendo com que menos pessoas que não estão realmente interessadas no seu negócio sejam impactadas por essa campanha. Você segmenta melhor o público e entrega o seu anúncio para o público certo, na hora certa! 

Mantenha sua lista atualizada

Não é porque você criou uma lista de palavras negativas uma única vez que ela vai funcionar para sempre. É importante que, de vez em quando, você continue monitorando os principais termos de busca que estão levando o usuário para suas campanhas de Ads para aprimorá-las.

Análise e entenda quais termos estão gerando um custo por clique elevado, mas não condizem com uma busca adequada ao seu produto ou o público que deseja atingir, e inclua estes termos na lista. O universo digital e o interesse do usuário são bastante dinâmicos e é preciso acompanhar isso. 

Entendeu como as palavras negativas no Google Ads são uma ferramenta poderosa para te ajudar a otimizar suas campanhas de publicidade. Excluindo esses termos que não são relevantes para o seu anúncio, você direciona seus recursos para um público mais qualificado e aumenta a eficácia da campanha, resultando em um maior ROI. 

Leia também:

Comportamento de compra do cliente: 5 coisas para considerar

O que é Meta Business Suite e quais são os benefícios para o seu negócio?

Americanas Marketplace: o que é e como vender neste canal?

Americanas Marketplace

Somos a plataforma para você vender seus produtos nas principais lojas virtuais do país: Americanas, Submarino, Shoptime e Americanas Empresas. Aqui seu negócio vai mais longe!

veja ainda:

customer experience - destaque

Customer experience: o que é, importância e aplicação

O foco em customer experience ajuda a fidelizar seus clientes e melhorar a relação deles com a sua marca A […]

google analytics - destaque

Google Analytics 4: como funciona o GA4?

Descubra como funciona o Google Analytics 4, a nova versão da ferramenta do Google! O Google Analytics 4, também chamado de […]

dia dos namorados - destaque

Dia dos namorados: como se preparar para vender na data?

O Dia dos Namorados é uma boa oportunidade para a venda de itens de diferentes categorias. Veja como se organizar […]