O que é Scrum e como usá-lo?

por Americanas Marketplace

8 de junho de 2023

Entenda como o Scrum funciona e como essa metodologia ágil pode impulsionar o desenvolvimento do seu negócio

Você conhece o Scrum? Essa metodologia ágil pode fazer uma grande diferença na gestão dos seus projetos, garantindo resultados ainda mais eficazes para o seu negócio. 

As metodologias ágeis permitem que a gestão dos seus projetos se torne ainda mais dinâmica, trazendo praticidade para a execução das tarefas e uma visão mais clara para todos os colaboradores da sua equipe. E com o Scrum não é diferente! 

A metodologia trazida pelo Scrum busca otimizar todos os processos da sua empresa, garantindo mais integração entre todas as etapas produtivas e um fluxo de trabalho mais eficiente e assertivo. 

Continue lendo e entenda como você pode aplicar o Scrum no seu negócio, independentemente do tamanho ou segmento da sua empresa, e garantir processos mais simples, além de resultados mais eficazes. 

O que é Scrum? 

O Scrum é uma metodologia ágil de gerenciamento de projetos que foca no trabalho em equipe, garantindo que todos os participantes aprendam rapidamente tudo sobre o projeto, acelerando e elevando a qualidade da entrega final – algo similar ao MVP

Apesar de ter sido criado dentro do universo de desenvolvimento de softwares, a utilização desse framework se tornou popular rapidamente, uma vez que ele pode ser aplicado em diferentes áreas e negócios, otimizando a gestão de projetos de diversos tipos. 

O Scrum é baseado em ciclos de produção curtos e rápidos, também chamados de Sprints. Cada Sprint tem uma duração fixa, que normalmente varia entre uma e quatro semanas, e começa com uma reunião de planejamento geral. 

Durante um Sprint, a equipe responsável trabalha para concluir as tarefas definidas para aquele período, com revisões constantes para garantir o melhor resultado. No final, também é realizada uma revisão geral do Sprint, onde a equipe apresenta o trabalho concluído e recebe os feedbacks.

Por conta desse mecanismo de Sprints e revisões, o Scrum garante resultados mais certeiros aos projetos, já que as etapas são constantemente corrigidas e aperfeiçoadas, o que minimiza os erros.

Mais do que gerenciar projetos, o Scrum gerencia pessoas, já que a metodologia incentiva o trabalho em equipe, assegurando que todos estejam por dentro de todos os detalhes do projeto que está sendo realizado e trabalhem em conjunto para alcançar o objetivo final.

Os princípios do Scrum

Para garantir uma boa implementação do Scrum no seu negócio, é importante que você fique por dentro dos três pilares que norteiam o Scrum. São eles:

Transparência

Ao apostar na metodologia, é preciso prezar pela transparência em todos os momentos, seja em uma troca em equipe ou nas informações incluídas no projeto. Todos devem trabalhar juntos e estar abertos para ajudar um ao outro a fim de alcançar o objetivo final do projeto. 

Reflexão

Também conhecido como Inspeção, esse princípio destaca a análise constante que deve ser feita no Scrum, uma vez que a metodologia incorpora tendências de melhoria contínua para alcançar resultados melhores em menos tempo.

Adaptação

Como o Scrum é uma metodologia que incentiva a mudança constante para garantir resultados melhores mais rapidamente, é preciso que todos os membros da equipe saibam se adaptar a esse ritmo transformador.

Valores do Scrum

Os membros do Time do Scrum também devem ficar atentos aos valores que esse framework ágil carrega, como: 

Foco

O Scrum exige foco na execução das tarefas e seus artefatos, como o Backlog do produto, permitem que todos os membros da equipe foquem e trabalhem para alcançar um objetivo único. 

Abertura

Como o Scrum é uma metodologia ágil, ele fará com que você realize ajustes e melhorias ao longo da execução dos projetos. Por isso, é essencial ter abertura para essas mudanças e aceitar as novidades que podem aparecer no caminho.

Respeito

O Scrum permite que os membros da equipe trabalhem de forma bem autônoma, ao mesmo tempo que incentiva a troca de ideias entre eles, criando uma cultura de respeito e colaboração entre o time. 

Coragem

Essa interação incentivada pelo Scrum, cria um ambiente aberto para a troca, onde todos têm espaço para expor suas ideias e fazer perguntas.

Compromisso

Essa colaboração entre os membros da equipe do Scrum destaca o comprometimento deles para garantir resultados eficazes ao final do projeto. 

Como funciona o Scrum? 

A versatilidade e facilidade são dois pontos positivos do Scrum. Afinal, isso permite que esse framework seja aplicado em qualquer negócio, independente do segmento ou do tamanho da equipe, atendendo desde projetos de marketing até vendas online

Como falamos anteriormente, o Scrum funciona com base nos Sprints, que possuem uma Timebox, ou seja, um limite de tempo pré-definido para a realização de uma ou mais tarefas envolvidas naquele ciclo. Dessa forma, é possível estabelecer um cronograma preciso para o projeto. 

Para definir todos esses eventos do Scrum e aplicar a metodologia no seu negócio, é importante que você entenda cada uma dessas cerimônias, o momento em que elas ocorrem e quem organiza tudo isso. 

Os artefatos do Scrum

Primeiramente, é importante destacar algumas ferramentas que são utilizadas nesta metodologia, que são chamadas de artefatos do Scrum. Esses artefatos trazem informações essenciais sobre o projeto e as tarefas que serão realizadas por cada profissional. 

No Scrum, há três artefatos principais, são eles: o backlog do produto, o backlog do sprint e o incremento. Entenda como cada um deles funciona. 

Backlog do produto (ou Product backlog)

É uma “lista de afazeres” que mostra tudo que precisa ser feito para que o objetivo final do projeto seja alcançado. Essa é uma lista dinâmica e contém desde recursos e requisitos necessários, até algumas melhorias e ajustes que devem ser feitos. 

O backlog do produto deve ser sempre revisitado ao longo do processo, dessa forma, é possível manter todos atualizados sobre o que ainda precisa ser feito e fazer os ajustes necessários ao longo do processo. 

Backlog do Sprint (ou Sprint backlog)

Já o Backlog do Sprint é uma lista de tarefas a serem concluídas durante um Sprint, ou seja, durante um único ciclo de produção. Essa lista é definida na no Planejamento de Sprint, onde é definido tudo que será feito no próximo ciclo.  

O Backlog do Sprint é definido a partir das tarefas destacadas no Backlog do Produto, fazendo com que as equipes trabalhem sempre em torno da meta definida no início. 

Incremento 

O Incremento, também conhecido como Meta de Sprint, é o produto final adquirido a partir do Sprint, ou seja, é o resultado de cada ciclo de produção. Apesar de não ser o produto final estipulado no Backlog do Produto, o Incremento mostra que a equipe está cada vez mais perto de atingir o objetivo final do projeto. 

A estrutura do Scrum 

Para garantir o melhor funcionamento desta metodologia, existe uma estrutura pré-definida de todos os membros da equipe do Scrum. Assim, cada um tem suas responsabilidades e um papel importante dentro dos eventos ou cerimônias do Scrum, que veremos a seguir. 

A equipe de Scrum é pequena e ágil, assegurando dinamismo e rapidez para a conclusão das tarefas. No geral, há três funções específicas principais: dono do produto, mestre Scrum e a equipe. Entenda cada uma. 

Dono do produto (Product Owner)

Ele é o proprietário do produto do Scrum e deve entender muito bem tudo sobre o produto, sabendo guiar os membros da equipe ao longo do processo. É o Product Owner que cria e gerencia o Backlog do produto, orienta a equipe sobre as entregas e assegura que todos trabalhem de forma conjunta e visando um mesmo objetivo. 

Mestre do Scrum (Scrum master) 

O Mestre do Scrum tem a missão de orientar a equipe ao longo do processo, buscando otimizar a execução das tarefas. Enquanto o Product Owner conhece bem o produto final, o Mestre do Scrum conhece profundamente a equipe, conseguindo sempre ajustar e aprimorar o fluxo de trabalho do time, facilitando a realização das tarefas. 

Time do Scrum (Scrum Team)

O Time do Scrum reúne todos os membros da equipe que vai desenvolver o projeto. O time trabalha de forma unida e dinâmica, e tem autonomia para realizar as atividades da forma que preferir, além de realizar ajustes ao longo do percurso. 

Cerimônias ou eventos do Scrum

Agora, veja quais são os eventos ou cerimônias do Scrum e no que consiste cada um deles: 

1- Sprint

Um Sprint nada mais é do que um ciclo de produção, onde a equipe trabalha para concluir uma demanda. Ele dura um período de tempo pré-determinado, e essa duração é definida de acordo com as necessidades e dificuldades das demandas executadas pelo time, sendo assim, o Sprint pode durar de sete dias até mesmo um mês. 

2 – Planejamento de Sprint 

O planejamento de Sprint é a reunião onde a equipe define tudo que será trabalhado no próximo Sprint, estabelecendo demandas e prazos para cada entrega. 

3 – Scrum diário

O Scrum diário é uma reunião rápida que ocorre diariamente entre a equipe. O objetivo desse evento é atualizar todos os participantes sobre o projeto e gerar uma troca entre eles. Assim, é possível entender o que foi feito no dia anterior, o que ainda deve ser realizado e quais são as necessidades da equipe. 

scrum - interna

4 – Análise ou Revisão de Sprint

Assim que um Sprint é concluído, é realizada uma análise de todo o processo, ou seja, uma avaliação do que foi feito. Esse é um evento bem informal e rápido, que tem o objetivo de entender tudo que funcionou no Sprint e o que precisa ser aprimorado. 

Nesse evento, o dono do produto (Product Owner) pode aproveitar as análises e resultados do Sprint para realizar ajustes e aprimoramentos no Backlog do Produto, fazendo com que o próximo Sprint obtenha resultados ainda melhores. 

5 – Retrospectiva Sprint

No final do Sprint também é feita uma retrospectiva, onde os participantes do projeto podem pensar em diferentes formas de melhorar o processo e até entender possíveis melhorias e ajustes para o melhor desempenho do próximo Sprint. Assim como o evento anterior, essa cerimônia acontece de forma informal e rápida. 

Por que usar o Scrum no seu negócio? 

O Scrum possibilita que os times trabalhem de forma unida, dinâmica e rápida, garantindo resultados mais eficazes em menos tempo. Isso acontece por conta da organização incitada pela metodologia.

Vantagens de utilizar o Scrum

Como falamos anteriormente, um dos pontos positivos do Scrum é que ele pode ser utilizado em negócios de todos os tipos, independentemente da área, segmento ou tamanho da empresa. Onde quer que você aplique essa metodologia, ela poderá trazer vantagens como: 

Fluxos mais simples e fáceis de compreender 

O dinamismo e o trabalho coletivo incentivado pelo Scrum permitem que os fluxos de trabalho e o objetivo final sejam facilmente compreendidos pelos profissionais e simplificam o desenvolvimento dos projetos. 

Equipe mais unida e produtiva 

No Scrum, cada membro reconhece suas responsabilidades e tem autonomia para realizá-las. Com essa compreensão, o time trabalha de forma autônoma, porém em conjunto, em busca de um único objetivo, criando um fluxo de trabalho eficiente. 

Apesar de cada um ter suas responsabilidades, todos os membros do time participam diariamente das reuniões e ficam por dentro de todas as etapas do projeto, o que aumenta a motivação de todos e melhora a comunicação. 

Entregas mais ágeis 

O Scrum foca na agilidade, realizando entregas mais rápidas por conta dos processos otimizados. Isso aumenta a eficácia do resultado final, que também é entregue em menos tempo. 

Redução de riscos e erros

Com os Sprints, é possível reavaliar o andamento do projeto diversas vezes, realizando ajustes e melhorias durante a execução. Dessa forma, é possível reduzir riscos e erros antes mesmo deles surtirem alguma consequência no resultado final, o que agiliza a entrega e aumenta sua eficácia. 

Aumenta o ROI

Como o Scrum incentiva a melhoria contínua, garantindo entregas mais rápidas e eficientes em menos tempo, ela também reduz custos de produção, o que aumenta o ROI (Retorno Sobre Investimento) do projeto. 

Usando o Scrum com outras metodologias ágeis 

Também é possível utilizar o Scrum com outras metodologias, como o Kanban, por exemplo. Os dois métodos são bem similares, já que dão flexibilidade na execução das tarefas, incentivam a transparência das informações e dividem as tarefas e equipes responsáveis. Porém, eles possuem algumas diferenças.

No Scrum, a definição de papéis é muito clara: temos o Scrum Master, o Scrum Owner e o Scrum Team. Enquanto isso, no Kanban, não existe uma divisão específica, o que em alguns times pode ser um benefício. 

Outra diferença é que, no Scrum, é fundamental ter reuniões diárias bem rápidas para organizar as tarefas que serão realizadas naquele dia. Já no Kanban não existe uma obrigatoriedade para esses encontros, já que a definição desses eventos acaba sendo feita de acordo com as necessidades de sua equipe. Além disso, no Kanban, as atividades são constantes, enquanto no Scrum temos os Sprints, separando as tarefas em pequenas entregas. 

Como combinar as duas metodologias? 

Como vimos, cada metodologia tem seus pontos fortes, por isso, é interessante unificar o Scrum e o Kanban e usar o melhor das duas para otimizar o seu tempo e o trabalho do seu time. 

Você pode, por exemplo, usar as técnicas visuais do Kanban nos Sprints. Dessa forma, os membros da equipe têm ainda mais transparência na hora de entender todas as tarefas que estão sendo realizadas pelo time. 

Entendeu como o Scrum pode ser um forte aliado nos processos da sua empresa? Anote todas as dicas e introduza essa metodologia no seu dia a dia e veja seus resultados chegarem cada vez mais longe.

Leia também:

Moscow: conheça esta técnica de priorização

O que é marketplace e como ele facilita a venda online

Timebox: o que é essa técnica no Scrum?

Americanas Marketplace

Somos a plataforma para você vender seus produtos nas principais lojas virtuais do país: Americanas, Submarino, Shoptime e Americanas Empresas. Aqui seu negócio vai mais longe!

veja ainda:

grocery - destaque

O que é grocery e como vender na categoria?

A categoria de grocery concentra as vendas de alimentos e bebidas pela internet. Mas a venda destes itens requer atenção […]

coisas para revender - destaque

9 coisas para revender e ganhar dinheiro

Conheça algumas opções de coisas para revender e ter um negócio ainda mais lucrativo  Que existe uma série de coisas […]

vender produtos de limpeza - destaque

7 dicas para você vender produtos de limpeza

Tudo que você precisa saber para vender produtos de limpeza na internet  Comprar online já faz parte da rotina de […]