Como vender alimentos na internet?

por Americanas Marketplace

18 de abril de 2022

Descubra tudo sobre vender alimentos na internet e comece a investir na categoria que mais cresce no e-commerce brasileiro 

O hábito de comprar alimentos pela internet, seja de um restaurante ou mercado, já caiu no gosto dos brasileiros! Acelerado pelo distanciamento social e a digitalização dos processos de venda, esse costume fez com que surgissem diversas oportunidades para os lojistas que desejam vender alimentos na internet. 

Essa entrada no e-commerce pode ser uma opção interessante para você que está começando a empreender ou até para o lojista que já tem um estabelecimento físico e quer diversificar os seus canais de venda. 

De acordo com a 45ª edição do relatório Webshoppers, da Ebit | Nielsen, a categoria de Alimentos e Bebidas foi a que mais cresceu no e-commerce em 2021, com uma alta de 107% em comparação com o ano anterior.

Os dados apenas destacam o tamanho dessa oportunidade, que pode vir de diferentes formas e também traz alguns pontos de atenção bem importantes. Confira! 

Marketplace: oportunidade para vender alimentos não perecíveis

As plataformas de marketplace já consolidaram sua participação no e-commerce brasileiro, isso porque esses canais trazem ainda mais visibilidade e alcance para lojistas de todos os tamanhos, segmentos e experiências. 

Esses canais podem ser bastante benéficos para o lojista que deseja vender alimentos não-perecíveis, ou seja, aqueles que podem ser guardados por períodos mais longos, tendo menos complicações com o processo de conservação. 

Os marketplaces funcionam como grandes vitrines online onde os lojistas podem anunciar seus produtos contando com toda a credibilidade por trás das marcas da plataforma. 

Além disso, esses canais oferecem diversas soluções que impulsionam os parceiros, que vão desde publicidade para fazer os produtos chegarem mais longe até serviços de logística que auxiliam na armazenagem, na expedição, na entrega e no pós-venda. 

Mercado online: oportunidades para vender alimentos perecíveis 

Cada vez mais brasileiros estão preferindo fazer suas compras de supermercado online. Cerca de 35% dos consumidores brasileiros fizeram compras de supermercado por meio de sites e aplicativos durante o 2º semestre de 2021. (Ebit | Nielsen)

Nos últimos anos, muitos estabelecimentos começaram a digitalizar seus negócios para atender os clientes com mais comodidade. Porém, vender alimentos de supermercado online tem muitas particularidades – como cuidados com os anúncios, a armazenagem e a entrega –, principalmente quando levamos em consideração os alimentos perecíveis. 

Por isso, muitas plataformas começaram a abrir espaço para essas mercadorias, auxiliando-os a dar os primeiros passos no universo online. Nesse momento, contar com uma parceria sólida é essencial para potencializar suas vendas. 

Delivery: oportunidade para vender alimentos prontos 

Fazer pedidos em delivery de restaurante não é uma novidade para ninguém. Porém, com o distanciamento social, o hábito se tornou cada vez mais comum na vida dos brasileiros, que acabaram gostando da comodidade oferecida pelos aplicativos de entrega.

A Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostraram que o segmento de delivery foi o que mais cresceu entre maio de 2020 e maio de 2021.

Nesse período, 55% dos consumidores compraram comida por delivery, sendo que, entre

eles, 65% comprou com mais frequência por meio de aplicativos e 47% comprou

utilizando redes sociais.

O delivery se tornou uma ótima solução para os donos de restaurantes ou outros estabelecimentos, como padarias e lanchonetes, impulsionarem as vendas. Assim, eles têm a chance de atender diferentes demandas dos clientes e também de estender o alcance de suas lojas, passando a atender consumidores mais afastados da sua localização, ampliando a lista de clientes e o faturamento.

Hoje, existem diversos aplicativos que auxiliam na venda de restaurantes e padarias no universo online, como o Americanas Delivery, aplicativo de entrega da Americanas Marketplace.

Comece a vender alimentos na Americanas Marketplace!

Pontos de atenção ao vender alimentos na internet 

Vender alimentos na internet exige alguns cuidados especiais por parte dos lojistas, afinal, a alimentação está diretamente ligada à saúde, fazendo com que o público preste atenção em cada detalhe da sua oferta.

vender alimentos - interna

1- Crie anúncios bem completos

Nas vendas online, o anúncio é sempre o primeiro contato que o cliente tem com o produto, por isso, quanto mais informações você fornecer, melhor! Descreva todos os detalhes dos itens e utilize fotos de qualidade para ilustrá-los. 

Informações como tipo, marca, ingredientes, informações nutricionais e outras particularidades que você achar necessário, não podem ficar de fora! 

2 – Cuidados legais 

Independentemente do tamanho do seu negócio, ao vender alimentos online, você precisa garantir a sua formalização para assegurar uma operação legal e um negócio seguro para os seus clientes. 

Assim como qualquer lojista, você deve criar um CNPJ, que não só formaliza o seu negócio, mas também garante algumas obrigações legais, como o recolhimento de impostos sobre as suas vendas. Essa questão irá acontecer conforme o regime tributário escolhido para o seu negócio. 

Além disso, você também deverá buscar orientações quanto às licenças e alvarás necessários para a operação, como um alvará de funcionamento, normalmente concedido pela prefeitura, e a Licença Sanitária nos conformes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

3 – Diferenciais competitivos

Os diferenciais competitivos farão com que você se destaque no mercado, ainda mais quando estamos falando sobre alimentos. Os clientes querem comprar com facilidade e receber os produtos o mais rápido possível em suas casas.

Segundo a 45ª edição do relatório Webshoppers, da Ebit | Nielsen, esses são os principais motivadores de compra em apps de delivery de supermercados: “não precisa sair de casa” (69%), “tem promoções especiais” (55%), “economia de tempo” (45%) e  “possui entrega rápida” (38%).

Sendo assim, ao vender alimentos online, busque investir nesses diferenciais para sair na frente, seja uma promoção exclusiva, um prazo de entrega mais competitivo ou frete mais em conta. 

4 – Soluções de logística 

A logística da sua operação envolve desde o estoque e a armazenagem dos seus produtos até a entrega e a garantia de um transporte seguro, e é um forte ponto de atenção em qualquer operação. 

Para garantir a qualidade dos alimentos da sua loja, escolha muito bem o local onde você irá armazenar os seus itens, optando por um ambiente fresco, limpo e bem higienizado. Além disso, organize o espaço de forma que você consiga acompanhar a data de validade dos produtos, garantindo o giro das mercadorias de forma otimizada e segura. 

Busque investir em embalagens específicas para manter a qualidade do produto durante o transporte. E, se você optar por vender alimentos prontos ou perecíveis, garanta uma entrega rápida e uma entrega segura, ou seja, em que os itens cheguem até o cliente da mesma forma que saíram do seu estabelecimento. 

5 – Parcerias que impulsionam 

Se você optar por uma parceria com um marketplace, a plataforma poderá pegar parte das responsabilidades para ela, como a logística e a entrega, facilitando o dia a dia da sua operação. 

A Americanas Marketplace, por exemplo, conta com uma categoria de mercado para impulsionar a venda dos donos desses estabelecimentos, utilizando a força de grandes marcas como a Americanas. 

Já para os restaurantes que buscam uma solução de entrega, o Americanas Delivery é a opção certa! O aplicativo funciona como um marketplace para restaurantes e outros estabelecimentos, disponibilizando a plataforma para que esses lugares montem uma vitrine online, enquanto deixam a parte logística por conta da marca.

Preparado para vender alimentos na internet e impulsionar o potencial da sua operação? Com planejamento e a parceria certa, o seu negócio chega muito mais longe! 

Leia também:

Americanas Marketplace: o que é e como vender neste canal?

O que é marketplace e como ele facilita a venda online

O que é grocery e como vender na categoria?

Americanas Marketplace

Somos a plataforma para você vender seus produtos nas principais lojas virtuais do país: Americanas, Submarino, Shoptime e Americanas Empresas. Aqui seu negócio vai mais longe!

veja ainda:

chat gpt - destaque

Chat GPT: o que é, atualizações e como utilizar no seu e-commerce

Descubra como a inteligência artificial do Chat GPT pode impulsionar as vendas do seu e-commerce com respostas instantâneas e personalizadas […]

loja virtual - destaque

Loja virtual: o que é, benefícios e como montar a sua

Descubra como montar uma loja virtual e aproveitar as oportunidades de venda no digital Uma loja virtual oferece uma plataforma para vender […]

lojas físicas visitas- destaque

Lojas físicas: 17 tendências para o futuro do varejo

As lojas físicas no Brasil precisam estar atentas às inovações e futuro do varejo. Veja algumas tendências As lojas físicas […]