Produtos para mulheres: o que vender?

por Americanas Marketplace

27 de março de 2023

Tudo que você precisa saber para começar a vender produtos para mulheres pela internet 

Você sabe quais são os produtos para mulheres mais vendidos no Brasil? Moda, acessórios, beleza, perfumaria e eletrônicos são algumas das categorias que estão no topo entre o público feminino. Mas, como escolher o segmento ideal para investir?

Se você quer vender produtos para mulheres, antes de conhecer os produtos mais vendidos e definir o que anunciar na sua loja, é importantíssimo que você entenda mais detalhes sobre o comportamento desse público no varejo. 

O que considerar ao vender produtos para mulheres? 

Um levantamento realizado pela PayPal mostrou que 73% das mulheres costumam fazer compras online diariamente, semanalmente ou quinzenalmente – antes da pandemia, esse índice era de 43%, ou seja, a internet é o ambiente queridinho do público feminino na hora das compras. 

Além disso, 98,6% gostam da experiência de compra online e 82% afirmaram que costumam planejar as aquisições que fazem na internet. 

Como aplicar isso ao seu negócio? 

Hoje, existem diferentes canais de vendas disponíveis na internet. Você pode criar um e-commerce próprio, anunciar seus produtos em um marketplace ou até vender pelas redes sociais. E a melhor forma de ganhar visibilidade online e alcançar mais clientes é combinando o uso dessas plataformas em uma estratégia multicanal. 

Basta escolher o canal – ou os canais – que faz mais sentido para o seu negócio e que converse melhor com o público-alvo da sua loja. Um público mais jovem, por exemplo, será facilmente impacto em redes sociais como o Tik Tok e o Instagram.   

11 produtos para mulheres para você vender 

Ainda não sabe o que vender na sua loja? Separamos uma lista com alguns dos produtos para mulheres que estão entre os mais vendidos. Confira e escolha o segmento que você irá investir para o seu negócio:

1 – Roupas

A categoria de moda é uma das que mais crescem no e-commerce e uma das favoritas do público feminino. Se você quer começar a vender roupas, o primeiro passo é entender melhor o mercado, uma vez que, o segmento é bastante vasto, atendendo diferentes subcategorias e um público bem variado. 

Você já sabe que deseja vender produtos para mulheres, porém, você também deve definir um nicho que atende esse público, como vender jeans ou vender camisetas de diferentes tipos, por exemplo. 

Se você optar por vender roupas na internet é muito importante que você se atente a forma como você apresenta os seus produtos, pois as suas consumidoras não têm contato com as peças e não podem experimentá-las. Sendo assim, elas dependem apenas das fotos e das descrições dos produtos para tomar uma decisão de compra. 

Assim, ao criar suas descrições, busque oferecer o máximo de informações possível sobre as peças – cor, tecido, tamanhos disponíveis, composição e dimensões são algumas informações essenciais. Além disso, invista em fotos de qualidade e mostre as peças em diferentes corpos para que as suas clientes tenham uma noção completa do caimento das roupas.

Se você tiver um e-commerce próprio, busque tecnologias que aprimorem a experiência de compra, como é o caso do provador virtual, uma ferramenta inteligente que auxilia o cliente a encontrar o tamanho ideal de roupas, sapatos e acessórios ao realizar uma compra no e-commerce. 

2 – Lingeries 

As lingeries e modelos diferenciados de roupas íntimas tem uma estratégia parecida com a de roupas e também são muito procurados pelo público feminino. Assim como muitas categorias de moda, há um portfólio bem vasto nesse segmento, que atende diferentes momentos das mulheres. 

Com uma loja de lingeries, você pode apostar em um sortimento bem variado, que atenda vários públicos e essas diferentes necessidades das consumidoras. Sua loja ainda pode diversificar e vender pijamas e outros acessórios relacionados ao segmento, deixando o seu negócio ainda mais completo. 

3 – Sapatos

Vender sapatos é outra opção para quem deseja empreender com produtos para mulheres. Eles estão entre os itens favoritos do público feminino e possuem uma variedade enorme para compor as vitrines da sua loja. 

Para obter sucesso, é interessante oferecer uma ampla variedade de estilos, cores e tamanhos. Dessa forma, você consegue alcançar um público ainda maior. Além disso, é importante que você se atente à qualidade dos produtos, uma vez que, as mulheres tendem a ser bem exigentes ao comprar sapatos, já que buscam modelos que combinem com seus estilos, sejam confortáveis e, ao mesmo tempo, tenham um preço acessível. 

Ao vender produtos da categoria de moda pela internet, é essencial que você forneça informações bem detalhadas sobre os itens, deixando bem claro para as consumidoras todos os detalhes sobre a cor, o material e, principalmente, o tamanho dos sapatos.

Para garantir uma tomada de decisão de compra ainda mais certeira, o ideal é que você informe os tamanhos dos sapatos em centímetros, dessa forma, caso o modelo tenha uma variação de tamanho, a cliente ainda irá garantir o produto ideal. Assim, você ainda evita possíveis situações de devolução de mercadorias

Se você quiser oferecer uma experiência de compra mais completa, invista em um canal de atendimento ao cliente que auxilie as consumidoras a escolher o tamanho ideal de sapato e tire possíveis dúvidas ao longo da jornada de compra. 

4 – Bolsas e carteiras

Os acessórios de moda também são uma ótima opção de produtos para mulheres. Entre eles, as bolsas e carteiras compõem um segmento bem variado e que está sempre na lista de compras desse público. 

Ao vender bolsas e carteiras para mulheres, invista em um sortimento bem variado, com diferentes estilos, materiais e cores. Você pode até montar um negócio mais amplo, que atende às diferentes preferências das consumidoras, ou até mais específico, como uma loja apenas com produtos de um determinado material ou itens personalizados.

Lembrando que essa categoria comporta desde bolsas e carteiras para o dia a dia até produtos mais exclusivos ou essenciais, como bolsas para notebook ou uma bolsa de maternidade. 

O ideal é que você preste muita atenção às tendências do mercado e esteja sempre atualizando o seu sortimento para sair na frente da concorrência e conquistar resultados ainda melhores. 

5 – Joias, bijuterias e outros acessórios 

As joias, bijuterias e outros acessórios são outra opção de produtos para mulheres que podem ser bem lucrativas no e-commerce. Essa categoria pode contemplar a venda de diversos itens, desde brincos, colares e pulseiras até cintos, óculos escuros e relógios. 

Ao criar o seu negócio, você pode optar por trabalhar com produtos específicos, como uma loja de óculos, que oferece modelos variados de óculos de sol e de grau. Ou você pode montar um negócio mais variado, com um amplo sortimento de acessórios em diferentes estilos e materiais. 

Para a divulgação da sua loja e dos seus produtos, aposte em fotos e vídeos de qualidade, tanto no seu site quanto nas redes sociais. Assim, você apresenta os seus produtos de forma clara e objetiva, destacando a qualidade do seu negócio frente à concorrência. 

6 – Maquiagem

O Brasil é o quarto maior mercado de beleza e cuidados pessoais do mundo, atrás somente dos Estados Unidos, China e Japão. E as maquiagens são favoritas de várias mulheres, trazendo um segmento bem forte para você que quer vender produtos para mulheres. 

De acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), a categoria cresceu 6,5% no primeiro trimestre de 2022, com destaque para o segmento de maquiagem, que apresentou alta de 18% em valor de vendas. Entendeu o potencial desse mercado? 

Caso você opte por vender maquiagem, é essencial que você busque produtos de qualidade e que você tenha um bom conhecimento sobre a marca. Além disso, você pode explorar diferentes estratégias de venda que funcionam para essa categoria, como a venda de kits de produtos, por exemplo. 

7 – Cosméticos 

O mercado de cosméticos é bem amplo e, apesar da maquiagem ser o primeiro tipo de produtos que vem à cabeça quando pensamos no segmento, o setor vai muito além. E os últimos anos reforçaram isso: após a pandemia, muitas mulheres mudaram seus focos no que diz respeito ao consumo de beleza. De acordo com uma pesquisa do Google, a prioridade passou para os cuidados com o cabelo (39%) e com a pele (37%).

Cosméticos para o corpo, rosto e cabelo ganharam ainda mais destaque nos carrinhos de compra das mulheres, que buscam conhecer diferentes marcas e produtos para cuidar da saúde e da beleza da pele. 

Aqui, podemos considerar cosméticos para o corpo, cabelo e também os famosos produtos de skincare, ou seja, de cuidados com a pele, que estão em alta entre os produtos para mulheres. 

Para trabalhar com esse segmento, busque entender as diferentes necessidades e preocupações das clientes, e prepare-se para fornecer informações precisas sobre os produtos e seus benefícios.

Além disso, é importante que você ofereça uma ampla variedade de marcas e produtos, desde aqueles mais simples e acessíveis até alguns itens com propriedades diferenciadas. Oferecer preços competitivos e promoções especiais também pode ajudar a atrair e manter as suas clientes.

produtos para mulheres - interna

8 – Perfumaria 

Os itens de beleza e perfumaria também estão entre os produtos para mulheres que são lucrativos e estão entre os favoritos do público. E apesar de parecer um segmento mais enxuto, você pode variar o seu sortimento com alguns itens complementares e alavancar as vendas da sua loja, como velas, cremes, óleos, entre outros. 

Vender perfume online pode parecer uma tarefa complexa, uma vez que a escolha deste produto está totalmente relacionada ao contato com a fragrância. Porém, nos últimos anos, as consumidoras brasileiras ficaram cada vez mais confortáveis e acostumadas com o e-commerce. Por isso, muitos empreendedores já estão optando pelo formato para começar seus negócios. 

Para começar o seu negócio, é fundamental que você conheça bem o seu público-alvo, as suas preferências de fragrâncias e marcas mais populares, além de manter um estoque variado e atualizado, com lançamentos e promoções frequentes para incentivar a compra.

Uma boa estratégia para estimular as vendas desses produtos para mulheres é investir em amostras grátis e brindes para incentivar a experimentação dos produtos e gerar interesse nas clientes. Você ainda pode oferecer um atendimento personalizado para diferenciar sua loja, ajudando as clientes a encontrar as fragrâncias que estejam mais alinhadas com as suas preferências. 

9 – Produtos fitness

As roupas fitness são uma opção de segmento mais nichado para você que quer montar um negócio dentro da categoria de moda. 

Nos últimos anos, muitas pessoas começaram a focar cada vez mais em cuidados com a pele e com o corpo, o que também afetou a forma como esse público consome. De acordo com uma pesquisa do Google, após a pandemia, houve uma alta de 73% nas buscas por roupas fitness. 

Então, se você quer vender roupas fitness é importante que você foque em oferecer produtos de qualidade, confortáveis e que sigam as últimas tendências dessa categoria. Além disso, busque conhecer bem o seu público e as suas necessidades e preferências, como a atividade física que praticam e até as cores que estão em alta. 

Uma boa dica para diferenciar seu negócio da concorrência é investir em roupas de materiais tecnológicos, como tecidos que proporcionam maior conforto térmico, compressão e até secagem rápida, que são características bastante valorizadas dentro dessa categoria. 

Para alavancar a atuação da sua loja, você ainda pode incrementar o seu sortimento com alguns acessórios e materiais de treino, como elásticos, tapetes de yoga, garrafas de água personalizadas e halteres

10 – Livros

A venda de livros segue crescendo no Brasil. Apenas no primeiro trimestre de 2022, o volume de vendas foi 15% maior do que o registrado no mesmo período de 2021, segundo uma pesquisa da Nielsen BookScan. 

Essa é uma categoria que pode variar bastante para atender diferentes gostos e preferências, e você não precisa escolher um único segmento literário para o seu negócio. Ou seja, você pode vender desde romances e livros de autoajuda até livros mais técnicos ou um livro de receitas, por exemplo. 

Ao vender livros, quanto mais variado for o seu sortimento, melhor, pois você alcançará um público mais extenso, conquistando mais chances de venda. 

11 – Eletrônicos 

Os eletrônicos compõem uma das categorias que mais faturam no e-commerce e se você quer atuar com produtos para mulheres, esses itens com certeza serão necessários no dia a dia do seu público, seja para um momento de lazer ou até para o trabalho. 

Essa é outra categoria bem vasta e você pode aproveitar essa versatilidade para montar um negócio bem variado, com um sortimento que oferece desde celulares e smartwatches até caixas de som e vídeo games

A qualidade dos produtos é essencial ao vender eletrônicos, por isso, é essencial que você tenha um bom conhecimento do segmento para analisar os produtos e saber auxiliar as consumidoras em caso de dúvidas. 

Quais são os próximos passos? 

Escolher quais itens você vai vender na sua loja é apenas o primeiro passo para começar o seu negócio. Com essa definição, você pode passar para os próximos passos:

Formalizar o seu negócio 

A formalização é a etapa mais importante para qualquer negócio, independentemente do segmento. Por isso, é primordial que você entenda que tipo de empresa você deseja abrir e entenda quais são as suas responsabilidades como empreendedor. 

Muitos lojistas começam com um CNPJ MEI. Com ele, você abre portas no mercado, além de trabalhar de forma mais segura e garantir seus direitos e benefícios legais como empreendedor.

Definir os seus canais de vendas

Como vimos no início do texto, os canais online estão entre os favoritos do público feminino, sendo ótimas opções para você que quer vender produtos para mulheres.

Hoje, existem diferentes canais disponíveis para você anunciar os produtos e o mais importante é você ter em mente que você não precisa escolher um único canal. Atuar em diferentes canais ao mesmo tempo, é uma ótima estratégia para impulsionar a sua atuação no mercado – já que estar presente em mais de um local só levará o seu negócio mais longe!

Buscar fornecedores

Buscar bons fornecedores para o seu negócio é essencial para garantir produtos de qualidade e negociar os melhores preços e prazos, assim, você sai na frente da concorrência e se torna mais competitivo. 

Estruturar a sua loja 

Com o seu canal de vendas definido e os produtos em mãos, chegou a hora de montar o seu negócio! Essa etapa irá depender bastante do seu modelo de negócio, por exemplo, se você quer montar uma loja virtual, você deverá contratar uma plataforma, buscar diferentes meios de pagamento, investir na hospedagem do seu site, entre outros. 

Agora, se você optou por vender em um marketplace, tudo que você precisa fazer é se cadastrar na plataforma com as informações da sua loja e cadastrar os seus produtos que serão anunciados nos sites. 

Estabelecer uma operação logística 

A operação logística é essencial em todas as operações. Sendo assim, se você tem um e-commerce próprio, busca empresas de entrega com as quais você pode desenvolver parcerias para realizar o envio dos seus produtos. 

Já se você vende em um marketplace, você pode usar a sua própria operação logística ou optar pelos serviços de entrega oferecidos pela própria plataforma. 

Agora que você já conhece os melhores produtos para mulheres para vender online e já sabe tudo que você precisa para montar o seu negócio, é hora de colocar as mãos na massa. Anote todas as dicas, defina os produtos para mulheres com as quais você deseja trabalhar e boas vendas! 

Leia também:

O que é marketplace e como ele facilita a venda online

Americanas Marketplace: o que é e como vender neste canal?

Como encontrar um fornecedor de roupas no atacado?

Americanas Marketplace

Somos a plataforma para você vender seus produtos nas principais lojas virtuais do país: Americanas, Submarino, Shoptime e Americanas Empresas. Aqui seu negócio vai mais longe!

veja ainda:

perfumaria - destaque

Perfumaria: dicas para começar o seu negócio 

O mercado de perfumaria traz boas oportunidades para os lojistas, mas é preciso saber se posicionar corretamente! Veja estas dicas […]

burocracia - destaque

Como lidar com a burocracia das vendas online

Enfrentando os desafios da burocracia ao criar e vender no e-commerce Vender online oferece inúmeras oportunidades para empreendedores, mas também traz […]

zona de conforto - destaque

7 atitudes para tirar o seu negócio da zona de conforto

Ficar na zona de conforto não leva ninguém a outro patamar. Veja como ter um negócio inovador e preparado para […]