10 dicas para revender eletrodomésticos

por Americanas Marketplace

17 de junho de 2024

Fique por dentro das melhores dicas para revender eletrodomésticos e montar um negócio lucrativo

Então, você quer revender eletrodomésticos? Seja no e-commerce ou no comércio físico, trabalhar com essa categoria pode ser uma ideia de negócio bastante lucrativa, porém, também exige bastante atenção aos detalhes para garantir o melhor desempenho da sua loja. 

Quando consideramos as vendas online, o departamento de eletrodomésticos é um dos que mais se destacam no mercado. Ele é o quinto em número de pedidos e o primeiro em relação ao GMV movimentado nas vendas online, segundo dados do Webshoppers, do Ebit e da Nielsen. 

Já o Market Review, da Bornlogic e da Opinion Box, mostrou também que 56% dos consumidores costumam comprar eletrodomésticos pela internet. Assim fica fácil entender o potencial dessa categoria nas vendas online. 

Por isso, se você quer montar um negócio para revender eletrodomésticos, aqui vão algumas dicas para você começar a sua loja e garantir bons resultados de venda a longo prazo e uma alta lucratividade. 

Dica 1: faça uma boa pesquisa de mercado

Antes de começar a revender eletrodomésticos, é importante que você faça uma boa pesquisa de mercado para entender profundamente essa categoria. Confira detalhes como: quais são os produtos em alta? Como é o comportamento de compra dos consumidores? Quais são as tendências do segmento? 

A categoria de eletrodomésticos é bastante vasta, contando com produtos que vão desde máquina de lavar, geladeira e fogão até ar condicionado, liquidificador e cafeteira. Sendo assim, você pode aproveitar esse momento para ficar por dentro do sortimento e definir um nicho de produto para o seu negócio. 

Dessa forma, você passa a conhecer diferentes marcas e modelos de eletrodomésticos e consegue definir exatamente quais produtos você quer revender. Você pode optar por trabalhar com uma marca específica, por exemplo, ou montar um negócio que revende diferentes marcas, mas é especializada em um determinado produto. 

Nessa pesquisa, também procure entender mais detalhes sobre os seus concorrentes, ou seja, sobre outras lojas de eletrodomésticos. Veja qual é o preço praticado por elas, como elas anunciam os produtos e, principalmente, como é a experiência de compra oferecida nessas lojas. Assim, você conseguirá diferenciar o seu negócio com mais facilidade. 

Dica 2: atenção à qualidade dos produtos

Um dos fatores mais importantes na hora de revender eletrodomésticos é a qualidade dos produtos. Afinal, são itens que possuem um ticket médio mais elevado e que os consumidores compram esperando uma alta durabilidade. 

Mas como garantir que o seu negócio tenha produtos de qualidade? O primeiro passo é conseguir bons fornecedores, que você confie no trabalho e ofereça os melhores produtos para você revender. 

Ao buscar fornecedores, pesquise referências e avaliações dos lugares e negocie melhores preços e prazos de entrega para o seu negócio. Além disso, verifique como é feito o envio dos produtos para garantir que eles sejam sempre entregues em boas condições, evitando amassos, arranhões e avarias. 

Dica 3: precifique seus eletrodomésticos de forma competitiva

Essa dica está diretamente relacionada às dicas anteriores. Isso porque a precificação dos seus produtos e a sua margem de lucro dependem bastante do preço de custo dos seus itens e das formas de pagamento oferecidas pelos seus fornecedores.

Além disso, na dica número um, você ficou por dentro dos preços praticados pelos seus concorrentes. Pensando nisso, é importante que você precifique os seus produtos de forma que você garanta o lucro do seu negócio e ainda se mantenha competitivo no mercado. 

Ao revender eletrodomésticos, lembre-se de também levar em consideração a demanda desses produtos – um item muito concorrido pode ter um preço mais elevado, por exemplo – e também a marca e o modelo do produto, uma vez que, existem marcas mais exclusivas e outras mais acessíveis, que devem ser sempre precificadas de acordo.

Dica 4: defina um canal de vendas eficaz

Definir um canal de vendas eficaz é primordial para o seu sucesso ao revender eletrodomésticos. Assim, para tomar essa decisão, o primeiro passo é conhecer bem o seu público-alvo

Afinal, quando você entende as necessidades e desejos dos seus consumidores ao comprar eletrodomésticos, você identifica os melhores canais de venda para o seu negócio. 

Independentemente se você vai vender em uma loja física ou online, lembre-se: você não precisa escolher ou depender de um único canal de vendas. Considerar diferentes canais de venda, como um e-commerce próprio, marketplace, lojas físicas e até redes sociais é uma ótima estratégia para aumentar a visibilidade e o alcance do seu negócio. 

Se você vai vender em uma loja física…

A pesquisa Market Review mostrou que 21% dos consumidores compram no comércio físico para serem atendidos por alguém. Por isso, é essencial que você se prepare para atender os seus clientes da melhor maneira possível, seja tirando dúvidas, dando sugestões e auxiliando-o ao longo do processo de escolha dos produtos. Esse atendimento fará toda a diferença na experiência de compra dos seus consumidores e na fidelização deles.

Se você vai vender online…

Lembre-se de incluir fotos de qualidade dos seus produtos e de fazer descrições bem completas e detalhadas, fazendo com que os seus clientes tenham todas as informações necessárias para tomar uma decisão de compra. 

Ao comprar em uma loja física, os atendentes fornecem diversas informações importantes ao consumidor. Então, ao vender online, o mesmo deve ser feito. Assim, não esqueça de incluir nas descrições todos os detalhes técnicos dos eletrodomésticos, além da garantia dos produtos e os processos de troca e devolução – isso pode dar mais tranquilidade aos compradores, sabendo que, se algo der errado, eles podem devolver o aparelho ou trocá-lo.

Dica 5: invista em marketing digital

Investir em marketing digital é essencial para aumentar a visibilidade da sua loja de eletrodomésticos.

Crie conteúdos relevantes e informativos sobre os produtos que você vende, como guias de compra, comparativos e reviews.

Invista também em campanhas de publicidade paga, como Google Ads e anúncios nas redes sociais, para alcançar um público mais amplo e específico. Utilize o remarketing para atingir novamente os consumidores que visitaram seu site, mas não finalizaram a compra.

Se você vai vender em uma loja física…

Aposte em anúncios segmentados para uma região, SEO Local e mantenha seu endereço atualizado no Google Maps.

Se você vai vender online…

Utilize estratégias como SEO (Search Engine Optimization) para melhorar o posicionamento do seu site ou loja de um marketplace dentro dos motores de busca, como o Google, e atrair mais visitantes orgânicos.

revender eletrodomésticos - interna

Dica 6: capacite sua equipe

Uma equipe bem treinada é um diferencial competitivo significativo no mercado de eletrodomésticos. Invista em treinamentos regulares para que seus funcionários estejam sempre atualizados sobre os produtos, tendências de mercado e técnicas de vendas.

Uma equipe capacitada pode oferecer um atendimento mais qualificado, responder às dúvidas dos clientes com precisão e ajudar na escolha dos produtos mais adequados às necessidades deles.

Incentive a participação em cursos e workshops do setor para que a equipe se mantenha motivada e engajada. Funcionários bem preparados são mais capazes de proporcionar uma experiência de compra positiva, o que é crucial para a satisfação e fidelização dos clientes.

Se você vai vender em uma loja física…

Tenha vendedores muito bem preparados para responder questões técnicas sobre aquele produto. Diferenciais, voltagem, etc.

Se você vai vender online…

Envolva se time técnico na revisão dos cadastros de produtos e mantenha-os conectados com seus redatores para criar páginas bem completas sobre cada item. Além disso, tenha um ponto focal para que o time de atendimento possa contatar essa pessoa caso o cliente envie dúvidas muito técnicas pelo canal de atendimento.

Dica 7: atendimento ao cliente 

Independentemente do seu canal de vendas, ter um área preparada para atender os seus clientes é essencial. Uma pesquisa da Opinion Box e da Dito, mostrou que 44% dos consumidores consideram o atendimento ruim como um motivo para desistir de comprar online. Entendeu a importância de um bom atendimento ao cliente?

Ao revender eletrodomésticos, os consumidores podem ter diferentes dúvidas sobre os produtos e funcionamento deles, e você deve estar preparado para ajudá-lo. 

Se você vai vender em uma loja física…

Esteja preparado para atender os seus clientes da melhor forma durante a visita à sua loja, mas não deixe o atendimento online de lado. Afinal, os clientes podem procurar o seu negócio para tirar dúvidas depois de realizar a compra.

Se você vai vender online…

Entenda a melhor forma de atender os seus clientes durante a venda. O Market Review, da Bornlogic e Opinion Box, mostrou que 78% dos consumidores acreditam que um vendedor digital pode ajudar na hora de escolher um produto online e 62% já consultou um vendedor via mensagem no WhatsApp, nas redes sociais ou chat durante o processo de compra online. 

Além disso, oferecer um bom atendimento pós-venda, seja para tirar dúvidas, realizar processos de troca e devolução de mercadoria ou até um suporte técnico ou assistência à instalação, pode ajudar a fidelizar o cliente e aumentar as suas vendas.

Dica 8: utilize ferramentas de gestão

Utilizar ferramentas de gestão pode otimizar diversas áreas do seu negócio, desde o controle de estoque até o atendimento ao cliente. Sistemas de ERP (Enterprise Resource Planning) e CRM (Customer Relationship Management) ajudam a centralizar informações, facilitando a tomada de decisões e o monitoramento do desempenho da loja.

Essas ferramentas permitem a automação de processos, como o envio de e-mails automáticos, o gerenciamento de pedidos e a análise de dados de vendas.

Se você vai vender online…

A tecnologia já faz parte do seu dia a dia, então adotar sistemas de gestão integrada pode ajudá-lo a manter suas vendas multicanais mais transparentes. ERP, CRM e integradoras de marketplace podem ajudar na centralização de suas informações de negócio em todas as frentes que você vende.

Se você vai vender em uma loja física…

Não precisa ignorar a tecnologia e seu papel em melhorar sua operação de estoque, impostos e centralização de vendas. Por isso, as ferramentas citadas ainda podem ser ótimas aliadas do seu negócio e, por isso, hoje já fazem parte de inúmeras lojas on e offline.

Dica 9: ofereça garantias e serviços adicionais

Oferecer garantias e serviços adicionais pode ser um grande diferencial na hora de revender eletrodomésticos. Garanta que todos os produtos vendidos tenham uma política de garantia clara e transparente, e, se possível, ofereça extensões de garantia que possam ser adquiridas pelos clientes.

Disponibilize serviços adicionais, como instalação e manutenção dos eletrodomésticos. Parcerias com técnicos especializados ou a criação de uma equipe própria para esses serviços pode aumentar a confiança dos clientes na sua loja e proporcionar uma experiência de compra mais completa e satisfatória.

Se você vai vender online…

Deixe clara as informações sobre garantia já no cadastro do produto.

Se você vai vender em uma loja física…

Comunique a informação sobre a garantia para seu cliente no momento da venda.

Dica 10: pós-venda e logística 

Um dos principais pontos ao revender eletrodomésticos é a logística, ou seja, como você irá armazenar a entregar os seus produtos. Lembrando que estamos falando de itens que , muitas vezes, são grandes e pesados, o que exige um grande espaço para armazenamento e muito cuidado e atenção no processo de envio. 

Se você vai vender online…

É importante que você determine um espaço seguro e preparado para armazenar os seus produtos, além de estudar as necessidades de cada eletrodoméstico muito bem para escolher o melhor tipo de embalagens, com materiais mais resistentes e que atendam as necessidades e dimensões de cada item.

Se você vai vender em uma loja física…

Esse cuidado com as embalagens e com a logística também é essencial, isso porque o cliente pode optar por sair da loja com o produto, o que exigirá uma embalagem bem segura, ou muitos acabam optando por receber o produto em casa, uma vez que, não conseguem levar um produto tão grandes sozinhos. 

Por isso, estabelecer um processo logístico eficaz será essencial para que o seu negócio ofereça uma experiência de compra completa, que atende o cliente de ponta a ponta. 

Agora que você já está por dentro das melhores dicas para revender eletrodomésticos, chegou a hora de montar o seu negócio! Boas vendas! 

Leia também:

Monte sua loja virtual em 4 passos com o marketplace

Jornada do cliente: o que é e como funciona?

Empresas de transporte: pontos de atenção ao escolher uma

Americanas Marketplace

Somos a plataforma para você vender seus produtos nas principais lojas virtuais do país: Americanas, Submarino, Shoptime e Americanas Empresas. Aqui seu negócio vai mais longe!

veja ainda:

perfumaria - destaque

Perfumaria: dicas para começar o seu negócio 

O mercado de perfumaria traz boas oportunidades para os lojistas, mas é preciso saber se posicionar corretamente! Veja estas dicas […]

burocracia - destaque

Como lidar com a burocracia das vendas online

Enfrentando os desafios da burocracia ao criar e vender no e-commerce Vender online oferece inúmeras oportunidades para empreendedores, mas também traz […]

zona de conforto - destaque

7 atitudes para tirar o seu negócio da zona de conforto

Ficar na zona de conforto não leva ninguém a outro patamar. Veja como ter um negócio inovador e preparado para […]